22 de novembro de 2013

Promessa

Prometi a mim mesma que hei de escrever ao menos uma vez por semana...

É que sei que as palavras precisam ser alimentadas.
São pássaros, asas abertas para o infinito.
Mas vão chegando de mansinho conforme lhes oferecemos sementes e frutos.
Depois, se nos aproximamos demais, escapam novamente para as nuvens mais altas.

Ando descuidando de meus pássaros.
E sinto a alma inquieta e a garganta seca.
Nunca mais eles vieram...

e como poderiam, se lhes fechei as janelas?

Prometi a mim mesma que, ao menos uma vez por semana, hei de alimentar meus pássaros.

0 comentários:

 

Palavras-pontes Design by Insight © 2009